Compartilhe:

Há 71 anos, José Orlando de Melo, até então pré-adolescente, arregaçou as mangas e começou a ajudar seu pai, Arthur, e seu tio, Pedrinho, em um dos principais mercados da cidade nos anos 50. Começava ali, poucos anos antes da emancipação do município (1953), a história de um dos maiores comércios locais.

Das pequenas portas, até o ano de 1983, bem ao lado do atual ponto, o empreendimento do Senhor Arthur e do Tio Pedrinho se transformou em Melo e Filhos, precisou de mais espaço para crescer e abraçar mais barrosenses. No novo ponto, já conhecido como Supermercado Melo Ltda, Zé Orlando por muitos anos trabalhou ao lado do irmão Pedro Paulo. A empresa, além de comercializar produtos alimentícios e de necessidades básicas para diversas gerações e gerar empregos, também cumpriu seu papel no quesito responsabilidade social, apoiando causas comunitárias e entidades filantrópicas da cidade.

Já em meados dos anos 2000, o Supermercado Melo ganhou um braço direito com a chegada de Ivan Pinel Machado, 48 anos, engenheiro civil e também genro de Zé Orlando. Os dois se tornaram sócios e o empreendimento ganhou mais força e inovação. Apesar de acompanhar as novas tecnologias e de trabalhar em reformas e ampliações, o destino os levou a uma nova decisão. “O que nos conduziu até aqui foram nossos clientes”, diz Ivan que está há dois anos estudando a venda do Supermercado Melo que foi concretizada nos últimos meses.

“Aos meus queridos clientes e a todos os barrosenses, hoje comunicamos oficialmente nossa decisão de encerrarmos as atividades comerciais do Supermercado Melo, ou seja, chegou a hora de iniciarmos um novo ciclo”, diz Zé Orlando em um vídeo publicado nas redes sociais nos últimos dias (Veja o vídeo abaixo). Na oportunidade, Zé, que também foi vereador do município, anuncia a venda ao Esquinão, tradicional grupo de empreendimentos de São João del-Rei.

ESQUINÃO

“Dentre várias propostas, escolhemos o Esquinão por ser uma empresa de grande nome e tradição em São João del-Rei e região”, relata Ivan que acrescenta que, com a compra do Supermercado Melo e da filial no bairro São José, o grupo Esquinão  passa a somar 10 lojas no Campo das Vertentes. “Assim como nós, é também uma empresa familiar com gestão altamente profissional e que quer investir muito em nossa cidade”, diz Ivan.

Nos últimos dias, o novo empreendimento, que funcionará no mesmo local, vem passando por modificações e adequações no layout e impressões das nova marca. O supermercado Esquinão é uma empresa familiar com mais de 40 anos e está presente nas cidades de São João Del-rei, Santa Cruz de Minas, Tiradentes e agora em Barroso. “São mais de 700 famílias empregadas diretamente, sem falar nos empregos indiretos que são os fornecedores, prestadores de serviço, dentre outros. Temos muitos clientes em Barroso e nas cidades próximas e sempre recebíamos pedidos dos clientes da vontade de ter o Esquinão na cidade de Barroso e a oportunidade surgiu com a venda do Supermercado Melo, ressalta Imaculada Nascimento, sócia-proprietária do Esquinão.

As novas atividades nos dois pontos, centro e São José, terão início na próxima segunda-feira (3). O Esquinão se destaca na área de panificação própria, hortifruti, açougue e competitividade nos preços.

EMPREGOS

Conforme divulgado pela Prefeitura Municipal, após reunião nesta sexta-feira (30) com os empresários Paulo e Fábio Nascimento, proprietários do Esquinão, as empresas já começaram com quase o dobro de funcionários, saltando de 39 para 70 colaboradores. E mais, eles ainda revelaram que também faz parte dos investimentos do Esquinão em Barroso a abertura de uma unidade no bairro Jardim Bandeirantes no fim do ano. Já com contrato assinado, a nova loja vai gerar 100 novos postos de trabalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *