Compartilhe:

Após lutarem para serem reconhecidas como da área de risco em caso de rompimento da barragem Doutor, 30 famílias serão removidas pela mineradora Vale no distrito de Antônio Pereira, em Ouro Preto, na região Central de Minas. A estrutura está em descomissionamento e em nível dois de emergência.

No distrito, 473 pessoas já foram removidas. Inicialmente, as 30 famílias também seriam, mas depois a empresa afirmou que a área em que elas vivem não seria inundada em caso de rompimento, segundo Ana Carla Cota, membro do Comissão de Atingidos de Antônio Pereira.

“Esse direito [de remoção] vem sendo construído há muito tempo. Essa mancha de inundação [apresentada pela Vale] diminuiu sem uma justificativa técnica plausível. Essas famílias têm incessantemente clamado pela remoção”, afirma Ana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *