Compartilhe:

Dois homens de 24 e 29 anos foram presos por agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Juiz de Fora na tarde desta quinta-feira (18). A dupla é natural de Brasília (DF), de onde partiu para transportar 17 tabletes de pasta base de cocaína para o Rio de Janeiro, avaliados em R$ 2 milhões. O entorpecente foi apreendido.

Durante fiscalização, os agentes da PRF perceberam nervosismo por parte da dupla, e decidiram verificar o veículo em que eles viajavam. Os agentes, então, encontraram um compartimento oculto no painel do automóvel onde a droga estava acondicionada. Os rapazes foram questionados e admitiram que receberiam R$ 4 mil pelo transporte da pasta base. A rota até o destinatário seria informada assim que eles chegassem ao Rio de Janeiro. Não havia registro anterior de tráfico para nenhum dos envolvidos, segundo a corporação.

Ainda de acordo com a PRF, um quilograma de pasta base de cocaína chega a produzir dez quilogramas de cloridrato de cocaína, a depender da quantidade e da concentração do princípio ativo da substância, sendo possível chegar ao valor de R$ 2 milhões com a venda do entorpecente. Além disso, a PRF destacou que, desde janeiro, 150 quilos de pasta base de cocaína já foram apreendidos.

A ocorrência foi encaminhada para a Delegacia da Polícia Federal, e os autores foram presos.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *