Compartilhe:

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) distribuiu, até o último dia 18, quantidade de vacinas da Coronavac suficientes para imunizar, com a primeira dose, apenas 13,5% da população mineira entre 3 e 4 anos de idade. A situação foi revelada pela pasta do Governo de Minas Gerais à reportagem via assessoria, informando também que a secretaria aguarda cronograma de distribuição de mais imunizantes do Ministério da Saúde.

Segundo a SES-MG, até o momento, 74.270 doses de Coronavac foram distribuídas pelo Governo de Minas aos municípios do estado para atender as crianças de 3 e 4 anos de idade, quantidade aquém do necessário para o atendimento de toda a faixa etária. A secretaria estadual estima que há 546.505 mineiros compreendidos nesse grupo. Dessa forma, a recomendação é que os municípios expandam gradualmente a imunização, conforme a disponibilidade de doses no estoque da cidade.

Segundo a SES-MG, a orientação é para que a Coronavac seja destinada inicialmente somente para crianças entre 3 e 4 anos de idade e que a vacinação aconteça de forma gradual para todas as crianças imunocomprometidas de 3 e 4 anos de idade. A seguir, devem ser vacinadas crianças de 3 e 4 anos indígenas que vivem em aldeias, crianças que vivem em comunidades quilombolas e em situação de rua e, por fim, crianças de 4 anos de idade e crianças de 3 anos de idade.

BARROSO:

Em Barroso, ainda não há previsões para o início da vacinação do público de 3 a 5 anos. São aproximadamente 703 crianças da faixa etária na cidade.

Informações complementares Tribuna de Minas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.