Mercedes-Benz contrata funcionários e anuncia volta de produção de caminhões em dois turnos em Juiz de Fora

Compartilhe:

A fábrica da Mercedes-Benz em Juiz de Fora está contratando 25 trabalhadores temporários. O objetivo da empresa é aumentar os volumes de produção de caminhões e agregados e “se preparar para a crescente demanda no mercado brasileiro em 2019”, conforme consta em comunicado enviado à imprensa.

O presidente da empresa no Brasil, Philipp Schiemer, informou também no comunicado que a Mercedes-Benz vai voltar a produzir caminhões com dois turnos, tanto na fábrica de Juiz de Fora quanto na de São Bernardo do Campo (SP), além de trabalhar em três turnos em algumas áreas de agregados, compostas por motores, câmbios e eixos.

Ao todo, 600 novos colaboradores serão contratados no mesmo regime para as unidades mineira e paulista.

Desse total, 400 são selecionados para começar a trabalhar em janeiro na produção de caminhões e peças, a maioria na fábrica de São Bernardo do Campo e os 25 na de Juiz de Fora. Entre os selecionados, 70 são aprendizes do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) – 30 deles com deficiência auditiva.

Os outros 200 contratados são oriundos de uma negociação que contou com a participação do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC. As vagas serão preenchidas em abril de 2019, na fábrica de São Bernardo do Campo, mas apenas se o mercado mantiver a tendência de expansão.

Contratações em 2018

Este é a terceiro grupo de contratados anunciados pela empresa para Juiz de Fora em 2018. Em janeiro, 80 colaboradores foram incorporados e, em março, outros 80.

A empresa garantiu que, até 2019, metade do investimento de R$ 2,4 bilhões anunciado para o período de cinco anos, entre 2018 e 2022, já estará implementado, o que deve dar continuidade à modernização das fábricas de caminhões e chassis de ônibus.

G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *