Compartilhe:

Uma dúvida que já é muito comum entre os moradores de Barroso é quando se deparam com o número de casos suspeitos divulgados no Boletim do Barroso EM DIA. Inúmeras mensagens questionando os dados são enviadas as nossas plataformas de comunicação. Com o intuito de elucidar, a reportagem resolver fazer uma matéria explicando como funciona.

Todos os dias, desde o dia 26 de março, dias depois do primeiro caso suspeito na cidade, que a Prefeitura Municipal, através do Comitê de Enfrentamento da Secretaria de Saúde, envia aos meios de comunicação o Boletim Epidemiológico com todos os dados. Veja como chegam, em documento de word, a divulgação oficial para todos da imprensa.

 

Dessa forma, diante da divulgação da Prefeitura, que inclusive vem com o número de casos suspeitos atualmente (circulado de vermelho), o Barroso EM DIA divulga o número de casos suspeitos que é 78, segundo a própria Prefeitura, e o número de casos descartados que é de 27. E mais, também é divulgado o número de notificações, que é simplesmente a soma de suspeitos: 78, e descartados: 27, ou seja, 105 notificações. Os casos confirmados, são dois, por não ser mais suspeitos ou descartados, não entram na conta de notificações, mas aparece no Boletim. Veja o do Barroso EM DIA:

“É uma questão de divulgação. Nós aqui do Barroso EM DIA optamos por mostra a sociedade da forma que vem no próprio Boletim da Prefeitura, ou seja, casos suspeitos, descartados e confirmados, além das notificações. O que não quer dizer que os outros estejam errados. É só uma forma de divulgação que entendemos ser mais transparente”, diz o editor-chefe do site e jornal Bruno Ferreira.

Por outro lado, a Rádio Liberdade FM, que também recebe o mesmo Boletim, optou, segundo o jornalista Douglas Gonçalves, seguir o padrão de divulgação da arte que a Prefeitura usa nas suas divulgações, onde não aparece o número de casos suspeitos. Veja abaixo:

Para entender o Boletim da Rádio e da Prefeitura é só o leitor diminuir o número de notificações: 105, pelo número de descartados 27, o resultado é o número de casos suspeitos que vem no Boletim da Prefeitura, ou seja, 78. O que aparece como análise entrará, quando tiver resultado do exame, ou em suspeitos ou descartado.

“Acho que é apenas questão de divulgação, mas é bom deixar algo bem claro para a população de Barroso, conversamos com profissionais da saúde e uma grande parte destas pessoas registradas como suspeitas no sistema, já não sentem mais nada e nem precisaram realizar exames. São casos que estão no sistema GAL desde março, por exemplo, e a Prefeitura só aguarda o descarte da Regional para removê-los do sistema”, relata Bruno.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *