Compartilhe:

Questionado se um sinal amarelo se acendeu no governo após o aumento no número de casos confirmados de Covid-19 nos últimos dez dias em Minas Gerais, o governador Romeu Zema (Novo) respondeu que sim e completou que o governo está preocupado com a inclinação da curva.

Na quinta-feira, 11, o governo determinou que a região Central retornasse da onda amarela para a onda branca do programa Minas Consciente. Com a decisão, alguns estabelecimentos que estavam autorizados a funcionar, como salões de beleza, lojas de roupas e papelarias, tiveram que fechar as portas.

Para justificar a medida, Zema disse que o número de casos aumentou mais do que o esperado. A Secretaria de Estado de Saúde informou que havia 20.106 casos confirmados na sexta-feira, 12. Em 2 de junho, eram 10.939 casos confirmados.

“Fico apreensivo com essa inclinação na curva. Mas, de certa maneira, os estatísticos já esperavam, porque estamos caminhando no próximo mês para aquilo que chamam do pico da curva”, afirmou. “Mas não é bom, o número de casos está aumentando todos os dias e isso começa, sinceramente, a causar um certo desconforto”, disse.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *