Compartilhe:

Uma curiosidade cerca a disputa eleitoral deste ano de 2020 e um personagem histórico da Barroso do século XIX. Todos os candidatos a prefeito no município neste ano de 2020 têm grau de parentesco com a família de Francisco Ferreira da Silva, produtor de leite, fazendeiro, que constitui família na cidade.

Todos os seis candidatos, Anderson de Paula e Eduardo Pinto; Antônio Claret e Adelmo Graçano e Baldonedo Napoleão e Roberto Ferreira, tem, de alguma forma, uma ligação familiar com Francisco Ferreira da Silva.

De acordo com levantamento do estudante barrosense de história Eustáquio Silva, Adelmo foi bisneto, Baldonedo e Roberto trineto, Anderson e Eduardo tataraneto e Antônio tem ligação com a família da esposa de Francisco, Dona Emília que era descendente da família Souza.

Senhor Francisco Ferreira da Silva , nasceu no ano de 1821 , filho legitimo do coronel Joaquim Ferreira da Silva e Maria da Silva Mattos. Francisco se casou com Emília Maria da Conceição, em 1857 como consta no acento de casamentos da capela do Barroso.

Tiveram filhos e netos, aliás um neto que ficou muito conhecido pelo nome de Rua na cidade, Francisco Ferreira Filho, Rua da Mina, foi um grande comerciante e empresário envolvido no mundo político. Ele se casou com Maria Rosa Graçano e do matrimonio nasceram vários filhos e depois netos, entre eles o ex-prefeito e atual candidato Baldonedo Artur Napoleão.

Outro neto que também tem denominação de rua no município é José Ferreira da Silva, que casou-se por duas vezes, sendo a primeira esposa Dona Izabel Ladeira, onde podemos destacar o filho Geraldo Ferreira da Silva, pai de Roberto Ferreira e Dona Geralda, mãe do vereador e atual candidato a prefeito Anderson Geraldo.

Joaquim Ferreira, que é o nome da Rua do Zé Orlando, casou-se com Dona Angelina Vitta e do seu matrimonio nasceram vários filhos, onde suas filhas se casaram com homens que tiveram prestigio político. Dona Maria Ferreira casou com o Epifânio Barbosa, que tem Eduardo Pinto como bisneto e Dona Waldemira Ferreira com Antonio Graçano, primeiro vice prefeito da cidade de Barroso. Dona Waldemira era mãe de Adelmo.

Outra ligação de parentesco é com o atual prefeito da cidade, Reinaldo Fonseca, que é neto de Sebastião Ferreira da Silva, filho de Joaquim e Angelina. Enfim, se levarmos em conta os estudos de Eustáquio, Reinaldo vai entregar a Prefeitura, independente de quem seja, a um “parente” em 2021.

O senhor Francisco Ferreira da Silva faleceu em 1880 pouco depois de ter tirado a única fotografia, que por sinal ficava na casa de seu neto, também Francisco Ferreira a quem ele carinhosamente falava: “Aquele ali é meu avô Chico Ferreira!”.

Fotografia do senhor Francisco Ferreira da Silva (em pé) na porta do comercio do Senhor Salvador da Silva. Não foi identificado o senhor (sentado) ao lado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *