Compartilhe:

Para tentar amenizar o frio da madrugada dessa quinta-feira (19), um casal de Nova Ponte, no Triângulo Mineiro, resolveu colocar uma churrasqueira acesa dentro do quarto, o que acabou causando a morte deles por asfixia. Os pais foram encontrados desacordados pela filha deles, de 14 anos. No município, as temperauras chegaram a 7ºC.

A adolescente acionou a Polícia Militar (PM) pouco depois de meia-noite, contando que tentou acordar o pai e a mãe, sem sucesso. Ao chegar ao imóvel, os militares encontraram Edwin Luisi de Medeiros Silva, de 40 anos, caído no chão, e, deitada na cama, estava Silvana Vieira da Silva, de 39.

Os policiais iniciaram imediatamente a reanimação das vítimas, procedimento que foi executado também pelos socorristas do Serviço Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Entretanto, apesar dos esforços, a morte do casal acabou sendo confirmada.

Ainda conforme a PM, no quarto, foi encontrada uma churrasqueira com brasa acessa em cima de uma mesa, e a porta e janela estavam fechadas.

O boletim de ocorrência da PM detalha ainda que, dentro do quarto dos filhos do casal, também havia uma bandeja com brasas de churrasqueira acesas.

Foi a filha das vítimas quem contou que eles acenderam a churrasqueira e mantiveram as portas e janelas fechadas para amenizar o frio. Depois de indicarem aos policiais a casa da irmã mais velha, de 21 anos, os menores foram encaminhados para o hospital por conta da intoxicação por dióxido de carbono.

O caso será apurado pela Delegacia de Nova Ponte.

Via Jornal O Tempo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.