Compartilhe:

Os professores da rede estadual de ensino de Barroso aderiram a greve dos professores do Estado de Minas Gerais e realizam nesta quinta-feira (31) uma paralisação nas escolas estaduais da cidade.

As três escolas estaduais do município: Cônego Luiz Giarola, no Bandeirantes, Silvano Albertoni, no Jardim Europa, e, Francisco Antônio Pires, o Fapi, estão em paralisação nesta quinta.

Segundo informações apuradas pela reportagem do barrosoemdia, o objetivo é apoiar a classe que vem lutando nos últimos dias por melhorias salariais.

A categoria exige o cumprimento da Lei do Piso Salarial Nacional e é contra o Regime de Recuperação Fiscal do estado, que congela salários e carreiras, proíbe a realização de concursos e reajustes por até nove anos.

Os professores decidiram que o movimento prosseguirá mesmo sob ameaças do governo à categoria e com a arbitrária decisão do governo estadual de determinar a suspensão da greve, sob pena de multa diária de R$ 100 mil por dia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.