Compartilhe:

Eventos oficiais com mais de cem pessoas estão suspensos em Minas pelos próximos trinta dias. A determinação é do governador Romeu Zema e foi anunciada neste sábado (14), após reunião com o secretariado do Executivo estadual. Medidas de prevenção e tratamento para o novo coronavírus foram discutidas durante o encontro.

A recomendação é que a medida, que será revista semanalmente, também seja adotada por organizações da iniciativa privada.

“Evitando aglomerações, conseguimos conter a propagação do vírus de forma mais eficiente, evitando que a epidemia se alastre em Minas Gerais e contamine, principalmente, quem está no grupo de risco”, afirmou o governador.

O chefe do Executivo mineiro também ressaltou não haver motivo para pânico e que as medidas adotadas até o momento são preventivas. 

Evolução

Na última sexta-feira (13), a Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) decretou situação de emergência em saúde pública no território como uma das ações de preparação para assistência a pacientes com coronavírus. Entre as ações previstas está a dispensa de licitação para compra de insumos, medicamentos e aparatos médicos, além da contratação de profissionais.

O decreto também oficializa a instalação do Centro de Operações de Emergência em Saúde (Coes-Minas), coordenado pela pasta, para monitoramento e estudo dos casos, além da atuação na tomada de decisões e organização das ações de enfrentamento.

Informações Hoje em Dia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *