Compartilhe:

Nos próximos três meses, os recenseadores do Censo 2022 visitarão 75 milhões de domicílios em todos os 5.570 municípios do país. A estimativa é de que sejam contadas cerca de 215 milhões de pessoas em todo o pais. O Censo brasileiro é uma das maiores operações censitárias do mundo.

Cerca de 183 mil recenseadores irão de porta em porta. Em Barroso, de acordo com informações levantadas pela reportagem do barrosoemdia, são 19 recenseadores que foram capacitados para visitar mais de cinco mil residências. A expectativa é que sejam contadas mais de 20 mil habitantes no município. Hoje os números são de 19.599.

Segundo as projeções do IBGE, em uma década, Barroso cresceu apenas na média de 1.238 pessoas. Eram 19.599, em 2010, e a estimativa para 2020 são 20.837 habitantes. Segundo os dados do último censo oficial, a cidade tinha cerca de 238 habitantes por quilômetro quadrado.

Se confirmar este pequeno crescimento, Barroso continuará no mesmo coeficiente; 1,2 na fatia de distribuição do Fundo de Participação dos Municípios, o FPM. Se a população ultrapassasse os 24 mil habitantes, o coeficiente subiria para 1,4 e aumentaria consideravelmente a parte de Barroso no FPM e receberia mais recursos para a cidade.

Dados extraoficiais apontam que Barroso tem entre 24 a 25 mil habitantes, de acordo com levantamentos feitos através da Secretaria de Saúde nos últimos anos.

Em 2020, o IBGE realizaria o Censo Demográfico da década – o último foi em 2010, mas com a pandemia da Covid-19, a ação foi adiada para o próximo ano e consequentemente para 2022, quando de fato está acontecendo.

Portanto, é de grande importância que a população barrosense colabore e atenda os recenseadores do IBGE nas suas casas. Além da coleta presencial e do autopreenchimento pela internet, será possível responder ao Censo também pelo telefone.

Os recenseadores estarão sempre uniformizados, com o colete do IBGE, boné do Censo, crachá de identificação e o DMC ( Dispositivo de Coleta Móvel). É possível confirmar a identidade deles no site Respondendo ao IBGE ou pelo telefone 0800 721 8181.

Nos questionários, o Censo coleta dados como idade, sexo, educação, trabalho, fecundidade, migração, religião, identificação étnico-racial, pessoas com deficiência e autismo. Após a coleta e validação dos dados de todos os municípios brasileiros, a previsão é que os primeiros dados sejam divulgadas no fim de 2022.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.