Compartilhe:

Pelo menos quatro gatos e dois cachorros foram envenenados no Centro da cidade de Barroso nos últimos 15 dias. A informação é da Veterinária e Presidente da Associação Protetora dos Animais de Barroso (APAB), Grasielly Melo, que contou a reportagem que os casos de envenenamento aconteceram nos últimos quinze dias na região central da cidade.

Grazi, como é conhecida, é responsável pela Associação Irmãos de Quatro Patas e declarou que existe a possibilidade de outros envenenamentos. Ela também explicou como é a prática deste crime que vem acontecendo na região central.

“A suspeita é que eles tenham sido envenenados com “chumbinho” mais uma substância corrosiva, por exemplo, soda cáustica. É um envenenamento onde o animal agoniza muito. É muito triste”, disse Grazi que ainda afirmou que um veterinário da cidade também tem atendido casos por envenenamento por soda cáustica. Todos no centro da cidade. “Acredito que o alvo tenha sido os gatos, mas cães acabam sendo envenenados também”, diz a Veterinária.

LEI

“Praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos” é crime no Brasil, de acordo com o Artigo 32 da Lei de Crimes Ambientais (nº 9605), de 1998. A pena é detenção de três meses a um ano, aumentada de um sexto a um terço em caso de morte do animal”.

Na sua página na internet, a Anvisa alerta sobre a utilização do chumbinho: “É um produto clandestino. Não possui registro na Anvisa”. Segundo a agência, trata-se de agrotóxico desviado do campo para os grandes centros para serem indevidamente utilizados como envenenamentos. Ainda de acordo com a Anvisa, a compra de chumbinho é crime.

1 comentário

  1. A prática de maus tratos é crime, onuso de chumbinngo também é crime, parece que ambiental. Mas é preciso gaver denúncias e cobranças a respeito. Façam B.O. e cobrem providências.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *