Compartilhe:

Morreu nesta segunda-feira (10) a travesti que havia sido agredida em Conselheiro Lafaiete no dia anterior. A vítima foi atacada com vários golpes de faca, ficando gravemente ferida. O caso aconteceu na manhã do domingo (9). Socorrida pelo SAMU e levada ao Hospital e Maternidade São José de Lafaiete, ela não resistiu.

Os pais de Raphael Filipe Clementino Pereira vieram da cidade de Sete Lagoas para reconhecimento do corpo do filho. Segundo informações iniciais, Raphael tinha 20 anos, não era conhecido em Lafaiete e havia chegado à cidade na sexta-feira (7). Antes esteve em Barbacena.

A Polícia recebeu a informação de que a vítima estava sem o seu celular. Não se sabe ainda se o crime tem relação com o roubo do objeto ou se é um caso de crime de homofobia. O autor ainda não foi localizado.

Informações Fato Real