NOVA LEI PARA OS BANCOS

O Projeto de Lei 07/2013, que determina que a rede bancária de Barroso promova adequações para a melhoria do atendimento ao público, foi aprovado por unanimidade pela Câmara de Vereadores, nesta segunda-feira (10).  

Segundo o texto original, os bancos terão que se adequar às normas num prazo de 90 dias, a partir da data de publicação da lei. O Projeto cobra dos bancos atendimento máximo de 15 minutos nos dias normais e 30 minutos em dias especiais, existência de banheiros e bebedouros para a população, utilização de senha numérica no atendimento, entre outras melhorias. Se as exigências não foram cumpridas dentro do prazo estipulado, a instituição sofre penalidades que vão desde advertência, pagamento de multa até a suspensão da licença de funcionamento. A Câmara já havia enviado um ofício aos bancos, datado de 6 de maio, pedindo melhorias no atendimento.

De acordo com a vereadora Deleia (PPS), autora do Projeto de Lei, as exigências foram criadas buscando o atendimento digno à população. “A minha intenção é fazer com que os bancos, pelo menos, dêem aos seus clientes, ou mesmo a aqueles que não são clientes mais necessitam do atendimento bancário, um atendimento digno, que é o mínimo que essa população merece”, afirma.

A vereadora espera ainda incluir uma emenda no Projeto de Lei para melhoria dos caixas eletrônicos dos bancos. “Quando eu fiz a lei, eu realmente não me posicionei em relação a eles (terminais eletrônicos de auto-atendimento). Inclusive eu vou pedir o vereador para fazer uma emenda, porque principalmente em um dos bancos a gente está vendo filas nos eletrônicos, fora do horário de atendimento comercial e muitas pessoas precisam deste atendimento, porque trabalham o dia todo”, finaliza Deleia.

O áudio completo da entrevista pode ser ouvido através do blog Girando com a notícia: http://ampreporter.blogspot.com.br/2013/06/projeto-determina-de-atendimento-nos.html

 

Maria Cecília – Estagiária – UFSJ