FIM DA FIGUEIRA

A bicentenária figueira de Dores de Campos, que representa o símbolo da cidade, foi podada drasticamente no fim da tarde desta segunda-feira (6). O Corpo de Bombeiros de São João del Rei e a Cemig que trabalharam por cerca de seis horas, foram os responsáveis pela “triste” poda.

De acordo com a Secretária de Cultura e Turismo Carina Ribeiro os galhos serão encaminhados para o Almoxarifado da cidade para desocupar a praça. Cidadãos, amantes da natureza e da figueira bicentenária, estão levando de recordação galhos da árvore símbolo do município.

No domingo (5), um dia antes da poda, foi  realizado o evento: “Ato em Defesa da Preservação da Figueira Encantada”, no Espaço Cultural Figueira Encantada. Estiveram presentes no evento o Prefeito Toninho, o vice Itamar, o vereador Marcelo e parte do secretariado. Duas bandas de música: Lira Nossa Senhora das Dores e a da Sociedade Musical São Sebastião abrilhantaram a festividade.

Fotos antigas e atuais da árvore, trabalhos de alunos das escolas da Rede Municipal e Estadual de ensino e do Centro Educacional Wanderley Arruda, foram apresentados.  O evento chegou ao fim com uma caminhada ao som do Hino da Cidade, no qual, leva o nome da figueira encantada.

“Esta velha e frondosa figueira que te viu, pequenina nascer. Dos antigos te fala altaneira, não te deixa o passado esquecer”

A foto abaixo mostra parte da figueira podada

figueira redimencionada

Raquel Lopes-UFSJ