Foto: Estado de Minas

O número de ataques de criminosos a agências bancárias voltou a crescer neste ano em Minas Gerais depois de dois meses de queda.

Em outubro, foram 14 ocorrências, 40% a mais do que em setembro, com 10 casos, e acima de agosto, com 13 registros. Mesmo assim, a média mensal continua a mesma, 13,5 ataques, o que corresponde a 2,2 por dia.

A Polícia Militar (PM) registrou 135 ataques a banco até outubro, mas, apesar da aceleração no mês passado, os números permanecem verificado em 2016, quando, somente até setembro já haviam sido registrados 189 casos. Mesmo assim, o crime ainda chama a atenção das autoridades.

E a aceleração recente ocorre mesmo depois de a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) lançar uma força-tarefa para evitar esse tipo de crime e criar um protocolo para padronizar as ações de combate.

Desde a publicação das medidas, foram oito crimes dessa modalidade. Somente ontem, houve três ocorrências no estado.

Estado de Minas