ZÉ AUGUSTO DOS CORREIOS

“Enquanto você se esforça pra ser um sujeito normal e fazer tudo igual...” A frase é de um maluco beleza que assinava Raul...

ZÉ FURTADO

Não existe época melhor para se falar de música em Barroso do que esta. Época de Festival Cultural, Festa de Sant’Ana, Festican. E como...

O VERBO AJUDAR

Usar a internet para descrever o termo voluntário não combina com nossa personagem, que nasceu na década de 30, quando nem computadores, muito menos...

ELY SUTTANA, TRABALHO E FÉ

Dizem que o trabalho dignifica o ser-humano, e se precisarem de um exemplo para acreditar nesta expressão popular, podem encontrá-lo no centro de Barroso,...

THAMYRES, A PEQUENA GUERREIRA

Existem batalhas e batalhas, das mais árduas, das mais diversas, das mais doloridas. Mas também existem soldados e soldados, dos mais competentes, dos mais...

ANA CAROLINA, A MENINA DE OURO

Tem uma lenda da literatura infantil irlandesa que afirma que atrás do arco íris existe um pote de ouro. Se é verdade ou não,...

CORUJÃO!

Célio Patrício Moreira, nascido em Barroso no começo da década de 60, é sem dúvida um exemplo na sua profissão de ajudante de serviços...

FERNANDO!

Quem não se lembra? Entre as guloseimas do Bar Sant´Ana, do saudoso Senhor Zizinho, lá estava ele: menino franzino, esperto e dedicado. Aliás, uma...

SARGENTO DELEI

Apesar de ter nascido entre as fazendas mineradoras de Ouro Preto, mais precisamente no distrito Miguel Burnier, em meados da década de 60, ele...

GIOVANI GRAÇANO!

Não há quem se não encante: domingo à noite, céu de estrelas de um inverno qualquer, entre a beleza natural e a história, uma...