Termina nesta sexta-feira (18), o prazo para que os nove vereadores de Barroso possam indicar, através da Emenda Impositiva, para onde indicarão seus valores em 2018.

O Projeto criado pelo ex-vereador Antônio Maria Claret de Souza (PSDB), o Tonho, prevê que cada vereador indique cerca de R$ 51 mil, sendo que pelo menos metade deve ser destinado para a área da saúde da cidade. O valor exato é R$ 51.369,19.

No começo da semana alguns vereadores já divulgaram publicamente para onde vão direcionar seus valores. Relembre e confira os novos repasses.

EDUARDO PINTO

– R$51 mil para o Hospital (Todo valor – 100%)

GIOVANI GRAÇANO
– R$12 mil e 500 para o Hospital
– R$12 mil e 500 para a APAE

– R$20 mil para Associação do Cibrazém

  • R$2 mil e 500 para a Associação do Alonso
  • R$2 mil e 500 para a Associação da Boa Vista
LEONE
– R$25 mil e 500 para o Hospital

– R$25 mil e 500 para a APAE

ANDERSON 

– R$ 25 mil e 700 para a APAE
– R$ 7.834,19 para a Associação Rosário
– R$ 7.835,00 para a Associação COHAB
– R$ 5.000,00 para a Associação Caetés
– R$ 5.000,00 para a Associação São José

ÁLLAN CAMPOS
– R$ 25 mil e 500 para o Hospital
– R$ 10 mil e 200 para o Asilo
– R$ 10 mil e 200 para a APAE

– R$ 5 mil e 100 para a Vigilância Sanitária

MARCO ANTÔNIO

  • R$ 25 mil e 700 para o Hospital
  • R$ 11 mil para a Associação da Boa Vista
  • R$ 3 mil para a Associação de Irmãos Quatro Patas
  • R$ 11 mil e 700 para a Praça Gentil Bedeschi
GOLÔ
– R$ 12 mil e 750 para o Hospital
– R$ 12 mil e 750 para a APAE
– R$ 12 mil e 750 para a Secretaria de Saúde

– R$ 12 mil e 750 para a Secretaria de Esportes

VERINHA

  • R$ 22 mil e 500 para o Hospital
  • R$ 22 mil e 500 para a Secretaria de Cultura

BALDONEDO

– R$ 22 mil e 950 para o Hospital
– R$ 22 mil e 950 para o Ceclans e Estádio São José
– R$  2 mil e 550 para o Asilo

– R$  2 mil e 550 para a AAPAE

Alguns valores acima estão arredondados.

Vale ressaltar que o valor de cada ano depende da previsão da Receita. Assim, um inteiro e dois décimos devem ser divididos entre os nove vereadores e ser indicado pelos parlamentares.

Ao notificar e informar o percentual à Câmara, o executivo cumpriu o parágrafo 4º do artigo 52 da Lei de Diretrizes Orçamentária (LDO) que foi aprovada no último dia 7 de julho, que determina que até o quinto dia útil de agosto a Prefeitura informe a previsão de valor das Emendas ao Legislativo.