MORRE IDOSA QUE ESTAVA EM CARRO ATINGIDO POR TREM

IMG-20151102-WA0009 (1)A idosa Maria da Conceição Marques, de 76 anos, que estava no carro atingido por um trem na zona rural de Alfredo Vasconcelos, morreu no Hospital Regional de Barbacena nesta terça-feira (3). Ela estava internada na unidade desde segunda (2), quando ocorreu o acidente. A empresa responsável pela linha férrea apura o caso.

O sepultamento da idosa estava marcado para às 11h desta quarta-feira (4), em Santos Dumont. A causa da morte não foi informada pelo hospital.

Cinco pessoas estavam no carro: a idosa, o neto dela, a esposa dele e os filhos do casal de dois e quatro anos. O filho mais novo sofreu fratura exposta em uma das pernas, teve alguns dentes quebrados e foi encaminhado para a Santa Casa de Barbacena. Segundo a mãe, Maria José Cristina, de 32 anos, ele já teve alta e está em casa.

O acidente ocorreu no início da tarde de segunda-feira, quando a família voltava da casa de parentes em um distrito de Alfredo Vasconcelos e ia para Juiz de Fora, onde moram. O carro apresentou pane em cima da linha férrea. O casal tentou empurrar o veículo e tirar as crianças, mas não conseguiram. Com os filhos presos, a mãe entrou no automóvel, mesmo sabendo que seria atingida.

A Polícia Militar informou que o maquinista acionou o freio de emergência, mas que o choque foi inevitável. O trem arrastou o carro por cerca de 170 metros. Com a batida, os filhos do casal que estavam no banco de trás do veículo ficaram presos às cadeirinhas. A idosa estava sentada entre as crianças.

A MRS, empresa que administra o trecho ferroviário, reforçou que todas as medidas de segurança foram tomadas e que o caso será apurado pela empresa.

Informações G1