Minas tem 475 casos de febre amarela; 166 pessoas já morreram

A febre amarela já matou 166 pessoas em Minas no período de monitoramento que vai de julho de 2017 até junho deste ano. Os dados constam no boletim epidemiológico da doença, divulgado nessa quarta-feira (2), pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG). Na mesma base de comparação, foram registrados 475 casos.

Do total de casos confirmados de febre amarela em Minas, 413 são do sexo masculino e 62 do sexo feminino. Dentre as mortes, apenas 13 foram mulheres. A média de idade dos casos confirmados é de 48 anos e a letalidade da doença neste período de monitoramento é de aproximadamente 35% no Estado.

Dentre os casos em investigação, há 11 pacientes vacinados que contraíram a doença. Essas pessoas permanecem em investigação para levantamento de informações clínicas e epidemiológicas.

Imunização

Até o momento, a cobertura vacinal da doença em Minas Gerais está em torno de 94,9%. Ainda há uma estimativa de 1 milhão de pessoas não vacinadas no Estado, principalmente na faixa-etária de 15 a 59 anos, que também foi a mais acometida pela epidemia em 2017.

Hoje Em Dia