Macaco com suspeita de febre amarela é achado morto em Lima Duarte, o 4º na região desde dezembro

Um macaco da espécie bugio foi encontrado morto na comunidade de Monte Verde, Zona Rural de Lima Duarte, na Zona da Mata mineira, na tarde desta segunda-feira (8). Por meio de um comunicado, a prefeitura da cidade informou que a Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde foi acionada para recolher o macaco morto, com suspeita de febre amarela. Este é o quarto macaco morto na região com suspeita da doença em menos de um mês.

O animal foi encaminhado para a Superintendência Regional de Saúde de Juiz de Fora (SRS-JF). Segundo a coordenadora do Centro Epidemiológico da SRS, Maria das Graças Amado, o macaco foi levado inteiro e congelado até a sede do órgão. “O próximo passo será encaminhá-lo para o Centro de Zoonoses da Prefeitura de Belo Horizonte para que sejam retiradas as vísceras que serão necropsiadas na Fundação Ezequiel Dias (Funed)”, explica.

Ainda não há previsão para o envio do macaco a BH, mas espera-se que o transporte seja feito nesta terça-feira (9) ou na quinta-feira (11). “O mais importante agora é reforçar a vacinação, que é a única forma de se proteger da Febre Amarela. Para isso, estamos intensificando a campanha no município e fazendo uma varredura na zona rural, vacinando toda a população”, comenta a coordenadora.

A Prefeitura está disponibilizando vacinas na Policlínica Microrregional Afrânio de Paula, de segunda a sexta-feira, de 8h às 17h. “Quando a pessoa não se vacina, corre mais risco de contrair a doença, por isso é tão importante que todos se protejam”, completa.

2º caso

No dia 20 de dezembro, um outro macaco bugio foi recolhido desacordado na região da Cachoeira de São Bento, também em Lima Duarte. O animal foi encaminhado para a Polícia Ambiental e para o Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas), em Juiz de Fora, onde foi feita a eutanásia.

REGIÃO

São João del rei, Prados e Barroso também já encontraram, no final do ano passado, macacos mortos. Pelo estado de decomposição dos animais, não foi possível enviá-los para uma análise.