Câmara e Prefeitura promoveram audiência pública da LDO 2019

Na noite desta segunda-feira, dia 09 de abril, a Prefeitura e a Câmara Municipal de Barroso realizaram a audiência pública referente à Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para o exercício de 2019. Além dos Vereadores, participaram do evento o Prefeito Reinaldo Fonseca, a Vice-Prefeita Wanderléia Napoleão, secretários e técnicos do Executivo e populares.

A audiência, que aconteceu no plenário do Legislativo, teve início pouco depois das 19 horas e serviu para que fossem pontuadas as metas e prioridades do município, que constarão na LDO para o próximo ano. Apesar da relevância da sessão, a iniciativa registrou baixa participação popular, ficando prejudicada quanto a possíveis demandas e interesses dos munícipes na aplicação do orçamento.

De acordo com o Prefeito Reinaldo, que promoveu a apresentação dos quadros e conduziu a atividade, a reunião promovida tem um grande valor para o município. “É importante este momento aqui de hoje pois abre-se um debate sadio em prol de algo que é de fundamental importância para a execução da Lei de orçamento anual e que tem tudo a ver com o Plano Plurianual”, ressaltou o Chefe do Executivo, agradecendo aos poucos que estavam presentes à sessão.

Devido à realização da audiência pública, a sessão ordinária que rotineiramente acontece às segundas-feiras foi adiada, bem como a reunião mista das comissões. Os encontros ordinários serão retomados normalmente na próxima quinta-feira, dia 12, seguindo o calendário da Câmara Municipal.

A iniciativa foi transmitida pela internet, através da Rádio Câmara e TV Câmara, e sua reprise está disponível na íntegra na página oficial da Câmara de Barroso no Facebook: www.facebook.com/camaradebarroso.

Sobre a LDO

A Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) compreende as metas e prioridades da administração pública, incluindo as despesas de capital para o exercício financeiro subsequente, orientando a elaboração da Lei Orçamentária Anual, dispondo sobre as alterações na legislação tributária e estabelecendo a política de aplicação das agências financeiras oficiais de fomento.